Você sabe o que é Educação Financeira? Compreenda melhor neste artigo.

Publicidade

O que é educação financeira e qual a sua importância são as principais dúvidas daqueles que acabaram de começar a pensar no futuro. E se deram conta de que é preciso dispor de uma reserva financeira para colocar a vida nos eixos.

Se este é o seu caso, não se preocupe. Nesse post você não apenas vai entender o que é educação financeira, mas também conhecerá suas fases e ficará por dentro de algumas dicas que te ajudarão a implementar a educação financeira e colocar seus sonhos de vida em prática. Confira!

O que é Educação Financeira

O conceito de Educação financeira, segundo a OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico), diz respeito a um processo que faz com que uma pessoa melhore o seu relacionamento não apenas com o dinheiro, mas também com os serviços e produtos financeiros que fazem parte da sua rotina.

Isso permite que ela seja capaz de tomar as melhores decisões nessa área, considerando todas as variáveis possíveis.

Você sabe o que é Educação Financeira? Compreenda melhor neste artigo.
Você sabe o que é Educação Financeira? Compreenda melhor neste artigo.

As fases da educação financeira

Agora que você já sabe o que é educação financeira podemos tratar sobre os estágios que o compõe. De modo geral, podemos dizer que o processo de educação financeira é separado em 3 fases:

1.    Segurança financeira

Na primeira fase, o principal aprendizado é começar a pensar na segurança financeira, o que consiste basicamente em avaliar o seu custo de vida básico.

Publicidade

Quais gastos você costuma fazer para se manter? Quais são suas despesas fixas bem como variáveis? Assim é possível chegar a um valor capaz de cobrir os gastos essenciais, caso algum imprevisto aconteça.

Nessa faze também recomendável, independentemente da idade, que se crie um bom plano de aposentadoria.

2.    Independência financeira

Na fase dois, você não apenas deve ter uma boa poupança de emergência como também precisa ter desenvolvido uma forma de conseguir uma receita sem ter que trabalhar. Seja por meio dos rendimentos bem como por ter aberto um negócio que não precise da sua atenção.

Esse valor mensal deve ser o suficiente para cobrir o seu padrão de vida atual com tranquilidade.

3.    Liberdade Financeira

Quando se atinge a liberdade financeira é possível não apenas deixar de trabalhar, como também viver independente das escolhas ou preferências, sem precisar se planejar, bem como se preocupar com dinheiro.

Dicas para implementar conceitos da educação financeira no dia a dia

Uma coisa é fato: nunca é tarde para começar a se preocupar com as finanças. Portanto, agora que você já sabe o que é educação financeira, utilize as dicas abaixo para colocar em pratica alguns dos seus conceitos e aumentar as chances de atingir seus objetivos.

Tenha uma reserva de emergência

Milhares de imprevistos podem acontecer. Você pode ficar doente, bem como ser demitido ou precisar fazer uma reforma de emergência, não importa. O fato é que a maioria das saídas para esse tipo de problema demanda dinheiro. E, por isso, é importante ter uma poupança que cubra pelo menos 6 meses dos seus gastos essenciais.

Tenha objetivos claros

Você dificilmente vai se sentir motivado para cuidar do seu dinheiro se não tiver em mente o porquê de estar fazendo isso. Portanto, crie objetivos que te mantenham motivado durante o caminho.

Gostou do post? Agora que você já sabe o que é educação financeira, bem como conhece os conceitos para implementar a educação financeira no seu dia a dia. Comece agora mesmo!